ambu veterinário

Ambu veterinário salva a vida do bichinho em uma emergência

O ambu veterinário pode salvar a vida do bichinho e faz parte dos equipamentos de primeiros socorros que não podem faltar na mochila do veterinário. O AMBU vem da sigla em inglês Artificial Manual Breathing Unit, que significa Unidade Manual de Respiração Artificial, ou Reanimador Manual. O ambu veterinário é um equipamento composto por um balão, uma válvula unidirecional, válvula para reservatório, máscara facial e um reservatório. O ambu veterinário tem a finalidade de promover a ventilação artificial enviando ar comprimido ou enriquecido de oxigênio para o pulmão do bichinho, o ambu é utilizado após as compressões torácicas auxiliando na ventilação. O ambu veterinário realiza a função de fazer o trabalho do pulmão, fazendo a insuflação a cada cinco segundos, até que a respiração possa se restabelecer espontaneamente.Caso seja adotada a reanimação com enriquecimento de oxigênio, ambu veterinário conectado a uma fonte de oxigênio pela extensão de oxigênio e com fluxo ajustado, enche o reservatório de oxigênio. Quando empregado a válvula de PEEP ao sistema, esta é conectada por meio do adaptador de válvula PEEP e proporciona resistência a saída do enquanto o paciente expira. A inspiração e expiração são mantidas de acordo com a forma ritmada que ambu veterinário for apertado.O ambu veterinário pode ser utilizado em situações de:

  • Parada respiratória;
  • Asfixia;
  • Afogamento;
  • Infarto.

Cuidados em seu manuseio e utilização

O reanimador ambu veterinário é bastante utilizado em situações de resgate e primeiros socorros, já que é um item indispensável e também muito utilizado em UTI e salas de emergência.O dispositivo requer alguns cuidados específicos para seu bom funcionamento, por isso é sempre importante testá-lo antes de utilizar ou sair com ele de casa para evitar que algum tipo de problema aconteça em caso de emergência.É importante verificar se o ambu veterinário está com algum escape de ar, pois significa que ele está com algum problema que vai resultar em um bom funcionamento. Caso ele não ventilar o paciente, pode ser que o diafragma da válvula respiratória não está amassado está furado. Por isso, é sempre importante conferir as condições do balão e os encaixes dos componentes, eliminando vazamentos de ar.Caso o ambu veterinário não esteja saturando o oxigênio, o gás não estará saindo corretamente da válvula da parede. Neste caso, deve-se verificar as condições do reservatório do equipamento, e, em caso de furos, rasgos ou se estiver danificado, deve ser substituído imediatamente. Também é preciso verificar se o ambu veterinário possa estar com indícios de água internamente, já que o paciente aspirar esse liquido e causar alguns problemas graves.

Como esterilizar o ambu veterinário após sua utilização?

Não há grandes dificuldades para se esterilizar um ambu veterinário após sua utilização. Na verdade, é algo bem simples. Basta desmontar todas as suas peças e limpá-las separadamente. Elas ficam em uma câmara específica por aproximadamente 15 minutos a uma temperatura de 121°C ou por 4 minutos a 134°C. Alguns cuidados são fundamentais para uma esterilização completa do ambu veterinário, como por exemplo, não colocar uma peça sobre a outra ou deixar encostar na parede da câmara. É preciso atentar-se, também, ao uso da embalagem correta. É possível realizar a esterilização através do óxido de etileno a uma temperatura de 54°C ou 130°F.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Pet Care atende ambu veterinário: