fisioterapia veterinária

O que é a Fisioterapia veterinária?

Cada vez mais, a fisioterapia tem evoluído em diversas áreas, iniciando no esporte e indo até para a veterinária. A Fisioterapia veterinária é uma prática voltada para avaliar e cuidar do animal em sua anatomia, fisiologia, patologia clínica, biomecânica e cirúrgica, assim como ocorre com a fisioterapia humana.Vale ressaltar que a fisioterapia veterinária é uma prática que só pode ser desenvolvida por um médico veterinário, afinal, só ele tem condições técnicas para tratar do condicionamento físico, da reabilitação, da recuperação pós-operatória e de prevenções de problemas futuros. Com o aumento de animais de estimação nos lares brasileiros, o mercado veterinário evoluiu junto, trazendo para os adeptos, serviços e procedimentos variados. A fisioterapia que proporciona ao pet uma melhor qualidade de vida é uma dessas áreas que ganhou força entre os donos de animais de estimação.

Saiba mais sobre a fisioterapia veterinária

A fisioterapia veterinária tem como principal objetivo restaurar as funcionalidades do corpo do animal ou de qualquer uma das suas partes. Além de preservar e até mesmo melhorar o desempenho das suas atividades diárias, promovendo, assim, um melhor bem-estar. Animais com sobrepeso e os que apresentam problemas neuro-ortopédicos podem buscar ajuda com a Fisioterapia Veterinária, por exemplo.Ainda dentro da área de fisioterapia veterinária, o médico responsável atua com tratamentos variados, utilizando massoterapia, cinesioterapia, eletroterapia, crioterapia, hidroesteira, entre outros procedimentos voltados para o condicionamento físico do animal. Dessa forma, além dos casos de lesões nos tecidos e do pré e pós-operatório de procedimentos cirúrgicos ortopédicos ou neurológicos, a Fisioterapia Veterinária é indicada para:

  • Problemas de artrites;
  • Displasia;
  • Rupturas de ligamentos;
  • Fraturas em geral;
  • Doenças degenerativas;
  • Afecções da coluna vertebral como a hérnia de disco, dores na lombar e cervical;
  • Reabilitação cardíaca;
  • Problemas ao caminhar, brincar e subir em sofás e camas.

    Portanto, a intenção dessa tratamento é além de controlar a dor, melhorar a resistência e fortalecer a musculatura do animal, aumentando, assim, o movimento das articulações e promovendo uma melhor disposição e saúde do animal.

    Obesidade: problema relaciono à má nutrição

    Atualmente, a obesidade é um dos problemas mais rotineiros relacionados à má nutrição. Os donos dificilmente conseguem reconhecer essa alteração que pode acarretar consequências mais graves e deteriorar algumas funções corporais. É necessário, portanto, ter um acompanhamento médico para não prejudicar a saúde e o bem-estar do bichinho. A fisioterapia veterinária auxilia nesses casos também. Além de programas de emagrecimento que o veterinário pode prescrever para o paciente, é possível ainda realizar atividades de exercícios físicos na esteira ou na piscina de acordo com a necessidade do animal. Tudo isso acompanhado, é claro, pelo veterinário especialista na área. Os exercícios trabalhados na fisioterapia veterinária são benéficos para melhorar até a função-respiratória do bichinho, assim como diminui a pressão arterial. De qualquer forma, é necessário pesquisar por profissionais capacitados para atuarem na área ou buscar por indicações de pessoas próximas que já tiveram esse tipo de experiência. Afinal, trata-se da saúde do animal de estimação, que em muitos casos, são tratados pelos seus donos como um filho ou outro membro importante da família.


    Publicações Relacionadas

    Regiões onde a Ideal Pet Care atende fisioterapia veterinária: