transporte aéreo de animais

Saiba tudo sobre transporte aéreo de animais

Se você planeja levar o seu animal de estimação em sua próxima viagem de avião, deve estar atento aos cuidados necessários que esse tipo de serviço demanda. É muito importante entender todos os procedimentos que englobam o transporte aéreo de animais. Antes de começar a pesquisa por passagens mais baratas, é necessário verificar quais companhias realizam o transporte aéreo de animais e quais são as condições para o processo, como por exemplo: qual tamanho e peso permitido do animal e onde o pet será transportado. No caso dos cachorro e gatos, de preferência às companhias que permitem que eles voem junto com você na cabine. Nessas condições, o animal viaja em uma caixa de transporte voltada especificamente para ele e o dono pode transmitir segurança e observá-lo durante toda a viagem. Portanto, não pense apenas em ficar atento aos preços e horários das passagens quando o assunto é o transporte aéreo de animais. É fundamental estar apar de todas as condições necessárias que o animal solicita.

Transporte aéreo de animais: questões fundamentais

Para auxiliar sobre o transporte aéreo de animais, separamos algumas questões fundamentais, como a "reserva" imediata logo após as compras das passagens. Isso mesmo. Existe um limite para esses passageiros, geralmente a cada voo só pode ter três cães ou gatos. Para não perder a oportunidade de aproveitar as férias com o seu bichinho, reserve o quanto antes o lugar dele no avião. Um outro detalhe importante que muitos pessoas não sabem é que no momento da escolha dos assentos, o dono do animal não poderá ficar com ele na primeira fileira ou nas saídas de emergência. Além disso, não é permitido durante o transporte aéreo de animais voos com conexão em que há troca de companhia, dessa forma, prefira realizar viagens com voos mais curtos. Abaixo, algumas questões sobre o transporte aéreo de animais:

  • O limite de peso - que é a soma do peso do próprio animal e do peso da caixa - permitido para os pets que irão voar na cabine varia de 5 kg a 10 kg dependendo da companhia aérea. Isso é um fator importante que deve ser levado em conta na hora das compras das passagens;
  • Caso o peso total ultrapasse o limite de peso permitido na cabine, o transporte aéreo de animais poderá também dependendo da companhia ser feito no compartimento de carga;
  • No compartimento de cargas, o limite de peso para caixa junto com o pet varia de 30 kg a 45 kg;
  • Outros animai, como aves, répteis e roedores também pode ser transportados, no entanto, é necessário verificar as condições qual a própria companhia desejada.

Vale ressaltar que o transporte aéreo de animais realizado tanto na cabine quanto no compartimento de cargas pode ser cobrado pelas companhias. Portanto, Não esqueça de verificar a tarifa na hora da compra das passagens para não ser pego de surpresa.

Escolha corretamente a caixa de transporte

Para que o animal se sinta confortável mesmo que ele esteja no colo durante todo o voo, é necessário permanecer, obrigatoriamente, dentro de uma caixa de transporte feita exclusivamente para ele. Porém, na hora da escolha desse compartimento, pense no bem-estar do animal, assim como siga as recomendações das companhias.A grande maioria possui um limite para o tamanho das caixas que irão na cabine com o dono e também para as que vão no compartimento de cargas. Normalmente, elas precisam ser feitas com fibra ou plástico que são materiais resistentes e devem ser rígidas e impermeáveis. Além disso, precisam ter ventilação e estarem em perfeito estado de conservação.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Pet Care atende transporte aéreo de animais: