transporte de animais

Como realizar o transporte de animais de maneira segura

Quem tem um animal de estimação em casa sabe que existem aqueles momentos inevitáveis de viagens de carro com o bichinho a algum lugar como idas a uma clínica veterinária, passeios a parques entre muitos outros. Porém o transporte de animais de estimação em carros exige alguns cuidados especiais para manter a segurança do pet durante a viagem, como seguir as normas obrigatórias de segurança no trânsito para que o dono não receba uma multa ou em casos piores como gerar graves acidentes.

Maneiras seguras para um transporte de animais

Hoje em dia existem diversas formas seguras no mercado pet para o transporte de animais, que permitem levar os bichinhos durante um passeio de carro de uma maneira confortável e sem correr riscos.

  • Caixa de transporte: Uma das formas mais indicadas de transporte de animais são as já conhecidas caixas de transporte, uma vez que é necessário somente colocar o animal dentro da caixa rígida e prender a alça do cinto de segurança e está feito! O pet vai estar seguro e confortável dentro da caixa de transporte e ela ficará bem presa ao cinto evitando o risco de se tombar ou rolar do assento;
  • Cadeirinha: Uma boa opção para o transporte de animais se o pet não gostar de ficar preso, já que permite uma maior liberdade nos movimentos, elas são recomendadas a cachorros pequenos de até dez quilos. A cadeira vai presa ao banco do carro e o animal preso a coleira dentro da cadeirinha;
  • Cinto de segurança: Serve para cachorros de todos os tamanhos, como se fosse uma guia normal o dono prende direto no local que prende o cinto ao carro. O cinto para transporte de animais tem o tamanho ideal que faz com que o animal fique firme e não tenha liberdade no banco de trás;
  • Grade se segurança: Caso o transporte de animais seja para um pet de grande porte, além do cinto de segurança, será necessário possuir uma grade de segurança, ela é colocada entre o banco de trás e o da frente, assim o animal não conseguirá colocar a cabeça entre os bancos.

Como não transportar animais em veículos

No código de trânsito brasileiro é proibido o transporte de animais nas partes externas do veículo, assim como também carregar animais entre braços e pernas, como é muito comum se ver pessoas levando o animalzinho no colo e com a cabeça para fora do carro. Levar os animais soltos dentro do transporte, oferece risco a atenção do motorista que pode perder a atenção de sua direção, uma vez que o animal tem a mania de andar de um lado a outro ou pular no colo de seu dono enquanto dirige, o que pode vir a gerar acidentes.Por isso é essencial que os donos de pets sejam responsáveis durante o transporte de animais e utilizem maneiras seguras durante suas viagens de carro, com pequenas atitudes todos podem tornar o trânsito seguro, além de manter seu amiguinho protegido de maiores danos.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Pet Care atende transporte de animais: