urgências veterinárias

O que fazer em urgências veterinárias?

As urgências veterinárias demandam ações rápidas e ágeis dos profissionais de saúde para salvar a vida dos animais. As medidas para solucionar as urgências veterinárias devem ser tomadas de forma precisa por médicos capacitados, que lidam com ocorrências variadas, desde ferimentos até quedas e paradas cardiorrespiratórias. Manter a calma é essencial para encontrar ajuda e evitar que o pet se machuque ainda mais. É importante não medicar o bicho e procurar imediatamente um posto de urgências veterinárias. Os primeiros instantes após o ocorrido são os mais importantes para que as medidas de salvamento sejam eficazes. É a chamada “hora de ouro”, que pode variar de animal para animal, dependendo do metabolismo do pet. O diagnóstico preciso das urgências veterinárias é a chave para um atendimento eficiente. Os profissionais devem ser treinados e a estrutura do hospital adequada para receber emergências, com os equipamentos e as ferramentas necessárias. As principais urgências veterinárias são:

  • A falta de ar é uma das causas mais comuns que levam os animais de estimação aos veterinários;
  • Intoxicação por veneno é outro motivo que ocasiona as urgências veterinárias, seja por acidente ou ação criminosa;
  • Reações alérgicas também entram na lista das urgências veterinárias e podem ser provocadas por alimentos, picadas de insetos e contato com plantas;
  • Em caso de convulsões, é necessário evitar que o animal se machuque durante a crise e investigar as causas imediatamente;
  • Picadas por insetos e animais peçonhentos originam desde alergias simples até sintomas muito graves, como dificuldades respiratórias;
  • As quedas são umas das urgências veterinárias mais graves, uma vez que o animal pode quebrar ossos ou ter danos internos importantes;
  • A torção gástrica, por fim, é gravíssima e o animal deve ser encaminhado o quanto antes para o hospital, pois pode entrar em choque e estará sentindo muita dor.

De olho nas urgências veterinárias

Quando o animal de estimação está com diarreia e vômito, é importante investigar as causas, pois são sintomas de uma variedade de doenças. Os sinais devem ser analisados atentamente no posto de urgências veterinárias, para que seja realizado o diagnóstico e prescrito o tratamento mais adequado. Já a parada cardiorrespiratória demanda um atendimento ainda mais imediato, podendo levar o pet a óbito em poucos minutos. Cuidar da saúde preventiva dos animais de estimação, levando-os ao veterinário periodicamente e mantendo-os vacinados e vermifugados, é essencial para evitar algumas urgências médicas. Estar sempre atento aos sintomas dos pets é imprescindível para garantir com o bem-estar e manter o bicho saudável e feliz. Com a realização de consultas e exames laboratoriais, diminui a chance de ter urgências veterinárias.

Buscando ajuda

Em caso de urgências veterinárias, o animal deve ser levado imediatamente ao pronto socorro veterinário mais próximo. Ter o telefone das emergências disponíveis e 24 horas que atendem os bichos é essencial para garantir o atendimento ágil e eficaz dos pets. É sempre bom ter algum profissional em mente, um plano de saúde para os bichos ou saber o endereço de hospitais públicos preparados para as diversas situações de emergência. Em caso de necessidade, esse planejamento pode salvar a vida dos animais de estimação.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Ideal Pet Care atende urgências veterinárias: